O marketing digital cresce a cada dia, provando seu poder quando é bem usado por empresas e outros tipos de organizações. No entanto, é necessário conhecer muito bem suas ferramentas, já que como em qualquer outra forma de publicidade - entendida aqui em um sentido mais amplo do que somente a propaganda com foco nas vendas, o marketing digital exige o apoio de uma estratégia digital bem elaborada.

Como você já deve conhecer, existem diversas possibilidades de ações, atividades, canais e até mesmo linguagens que podem ser exploradas através do marketing digital. Uma estratégia que se mostra eficiente, por exemplo, é o chamado Inbound Marketing, ou marketing de atração. Este formato foca no conteúdo e no relacionamento de visitantes do seu site em leads. Guarde este último nome.

Ao investir ainda nos anúncios em mídia paga, por outro lado, também é possível obter leads e contatos de pessoas interessadas em sua oferta online. Nestas duas estratégias, e em muitas outras, as landing pages são extremamente necessárias.

Chamadas também de página de entrada ou página de conversão, uma landing page é uma página web dentro do seu domínio (URL) utilizada justamente para captar os dados de contato dos seus visitantes, aproveitando elementos como formulários, vídeos, textos e CTAs (calls-to action) para apresentar uma oferta e convencer o público a se registrar em tal página. Oferta, neste caso, não é exclusivamente uma promoção de vendas, podendo cobrir também materiais ricos como os ebooks e a inscrição em webinars.

Neste artigo, vamos te mostrar não só o que é uma landing page e o que ela deve conter, mas também como criar uma landing page de sucesso com o uso de ferramentas específicas. Mas, antes de qualquer coisa, é necessário definir o que é este formato.

O que é Landing Page?

Como já apontamos mais acima, alanding page nada mais é do que uma página inicial do processo de compra, geralmente associada a uma estratégia mais completa de e-mail marketing, Inbound e/ou Outbound, relacionamento e afins. Se tomarmos sua tradução literal do inglês, veremos que esta ferramenta é uma página de aterrissagem, na qual o usuário faz o primeiro contato com sua marca, tomando conhecimento de uma oferta específica ou alguma condição atrativa o suficiente para que ele deixe seu contato ali.

Há dois tipos de landing pages: para geração de leads ou para incentivo ao clique. No primeiro tipo, o objetivo é coletar informações dos usuários para uso futuro (como envio de e-mail marketing) e geralmente é oferecido algo em troca, como um cupom de desconto ou ebooks, entre outros conteúdos relevantes. O segundo tipo visa encaminhar o usuário para outro endereço (como uma loja virtual). Independentemente do tipo, as duas devem ser muito bem planejadas, já que a tendência é que o número de acesso à web por dispositivos móveis cresça exponencialmente e, de fato, a otimização de páginas para acesso em smartphones e outras telas é um fator que melhora seu ranqueamento e também as taxas de conversão dentro da sua estratégia.

Elementos de uma landing page

Ao criar esse tipo de página, ou ainda quando estiver planejando sua estratégia de marketing digital, é importante considerar quais são os elementos que podem ser agregados às landing pages, suas funções e também como devem ser adaptados dentro de seus objetivos.

  • Imagens: Podem ser utilizadas no formato de ilustrações e também de fotos, cuidando para evitar a poluição visual e também não atrapalhar o objetivo da página. Devem estar configuradas de forma que não aumentem o tempo de carregamento da página e nem prejudiquem a leitura de texto e a interação com os botões da página.
  • Vídeos: São bem-vindos porém com mais ressalvas, já que uma página cheia de players de vídeo pode ficar extremamente lenta e com péssima leitura. Sualanding page pode trazer um vídeo de demonstração de curso, produto ou da solução que está sendo oferecida, ou talvez até mesmo uma compilação de depoimentos de clientes ou pessoas que trabalham no projeto. Também é possível deixar o seu vídeo, caso ele seja a oferta da landing page, na página de obrigado (entenda a seguir).
  • Formulário: É o elemento mais importante, o qual fará a captação dos dados de seus visitantes. O preenchimento do formulário é obrigatório para liberar a oferta da landing page, e ele deve solicitar, no mínimo, nome, e-mail e telefone de contato. Outros campos que podem ser acrescentados, devidamente adaptados em cada estratégia digital, são site (URL), faixa etária, cidade e estado, gênero, serviço de interesse, empresa, função, tamanho da empresa, interesse em receber newsletter, entre outras diversas possibilidades.
  • Botões: Os botões dentro de uma landing page funcionam como chamadas para a conversão, podendo rolar a página novamente para o formulário. Também podem apontar para trechos específicos da página web ou para outros endereços, porém esta última opção exige muito cuidado pois pode tirar o visitante da sua landing page antes mesmo de ele converter no formulário.
  • Outros links: Mesma questão dos botões. Se a sua landing page aponta para outros links, existe o risco de que o seu visitante vá para estas outras páginas e não volte para se registrar em seu formulário. Ainda assim, alguns links que podem ser incluídos em sua landing page são: homepage do seu site, perfis de redes sociais, WhatsApp, página de FAQ (perguntas frequentes) e página de regulamento, em caso de promoções. Idealmente, estes dois últimos recursos devem estar dentro da própria landing page, podendo ocupar também uma popup.
  • Página de Obrigado: Esta não é a sua landing page, mas sim a página que aparece após a conversão. Muitas pessoas se contentam apenas com uma caixa de mensagem que aparece no topo do navegador avisando que o cadastro foi feito, mas adotar a página de obrigado traz um elemento a mais para que seus visitantes entendam o processo. Na página de obrigado sim é mais recomendável incluir links, vídeos e os demais elementos já citados aqui. Além deste fator, ao configurar tags de conversão em suas estratégias com o Google Ads e Google Analytics, a página de obrigado é o link que dá a garantia sobre a quantidade de leads obtidos dentro da ação.

Vamos agora às ferramentas que podem ser úteis no processo de como criar uma landing page.

4 ferramentas para criar landing pages

Hubspot

Um dos pilares do marketing digital é o conteúdo: para atrair seus consumidores em potencialé necessário ofertar conteúdo de qualidade e relevante. E aqui entra o Hubspot, pois além de permitir a criação de landing pages de primeira qualidade e compatíveis com dispositivos móveis, ele ainda as integra com sua estratégia de conteúdo.

Esta plataforma também conta com diversas outras ferramentas, para marketing, vendas ou relacionamento (CRM), incluindo teste de conversão, criação de formulários e fornecimento de dados relativos ao desempenho de sua landing page. De fato, o Hubspot é uma ferramenta de Inbound Marketing com grande utilidade em automações no geral. Por ser estrangeira, o preço pode não ser tão atrativo, mas os recursos apresentam um bom custo-benefício.

RD Station Marketing

De forma bastante similar ao Hubspot, o RD Station também permite a criação de landing pages em todos seus planos. Além de aceitar a programação de páginas HTML dentro do sistema, também tem um editor para criar suas páginas na hora, seguindo modelos já prontos e com possibilidade total de personalizar cores, textos e fontes, imagens, quadros, formulário e afins.

Esta é uma ferramenta de marketing digital completa, em que você pode configurar fluxos automatizados de e-mail para enviar a todos leads obtidos em determinada landing page. Também é possível pegar métricas sobre acessos, conversões e canais de cada página publicada. Os campos dos formulários ajudam em estratégias de segmentação da sua base e ainda melhoram a personalização das suas próximas ações. O RD Station Marketing é nacional, e por isso tem um custo-benefício mais atrativo em relação às demais ferramentas usadas aqui.

Unbounce

Dentro de uma landing page, a formatação da página importa muito, pois ela é uma das responsáveis por gerar a conversão. Elementos como distribuição dos textos, tamanho dos textos, posicionamento da imagem e do botão de call-to-action (onde o usuário clica para realizar a conversão) importam muito.

Pensando nisto, o Unbounce oferece opções de templates prontos e editáveis e testes de conversão, podendo ser integrada a outras ferramentas que você já utiliza no marketing. É uma plataforma paga com foco apenas nas landing pages e popups, sendo um investimento considerável mas que pode vir a calhar para quem tem necessidades e demandas maiores.

OptimizePress

Outra excelente opção para auxiliar na criação de sua landing page. Possui mais de 40 templates de landing pages disponíveis com a assinatura do serviço, também em dólares. O OptimizePress também oferece soluções em pop-ups, páginas de pagamento e em relatórios para as sua páginas já publicadas.

No geral, o que deve orientar a sua escolha por uma ferramenta para criar e publicar sua landing page é ponderar sua necessidade, os conhecimentos atuais e as soluções necessárias, pesando também o valor de investimento em soluções do gênero. Pode até mesmo ser o caso de sua empresa contar com programadores que vão criar uma landing page diretamente no código, dispensando ferramentas e templates. Nestes casos, ainda é importante ter um canal para administrar todas informações obtidas e sempre monitorar sua página através do Search Console, Analytics ou outra ferramenta de métricas digitais.

Com as ferramentas acima, com certeza você descobrirá como criar uma landing page de sucesso e realmente eficaz para seus objetivos. Aproveite e navegue pelo site da Post e descubra outras e igualmente relevantes ferramentas de marketing digital. Não deixe de conferir onosso e-book gratuito 'Como mensurar e otimizar canais de Marketing Digital' e saiba como medir os resultados de sua landing page e outras ferramentas e atividades!

 

Luciana Gameiro
Luciana Gameiro
Luciana Gameiro

É jornalista e especialista em Comunicação e Marketing Digital. Redatora e analista das estratégias de Inbound. Está no canal da Post e sempre atualizada nos últimos memes.