Num mundo onde os microblogs, como o Twitter, as redes sociais de interações por imagens, como o Instagram, e as macro redes sociais, como o Facebook, dominam, os produtores de conteúdos se tornaram quase como uma contramão do novo sentido de interação com leitores nos dias atuais da internet. Entretanto enganam-se os que afirmam que essa interação não lucra. Os produtores de conteúdos (tanto os que representam uma empresa, quanto pessoas físicas individuais) ainda são muito ativos, e a vantagem de possuir um espaço próprio, um conteúdo aprofundado e tratar o assunto com total discernimento compelem ao produtos de conteúdo a chamar a atenção dos internautas para textos mais aprofundados do que simples 140 caracteres, por exemplo.

Neste artigo, apresentaremos as 5 melhores plataformas para blog que poderão dar uma guinada no seu orçamento mensal. Confira:

Por que escolher uma plataforma para meu blog?

A decisão de iniciar o projeto de um blog é um passo importante para começar a disseminar conteúdo pessoal ou para a sua empresa. O mercado disponibiliza variadas plataformas de blog para escolher a que mais combina com o objetivo do produto. As opções também se adaptam a qualquer assunto que queira abordar: de decoração a viagens, de moda a gastronomia, de marketing a engenharia.

As estratégias de produção de conteúdo são essenciais para alavancar um negócio. Por isso a criação de um blog é tão importante, já que é uma das ferramentas mais efetivas do marketing digital. A grande sacada é se tornar uma referência sobre determinado tema, título que pode ser alcançado com uma produção de qualidade e especializada.

A escolha da plataforma também está associada com o alcance de resultados. Em conjunto com a aplicação das estratégias de SEO, o blog terá mais chances de aparecer na primeira página dos principais buscadores. Ter um domínio próprio é uma das grandes questões que se deverá levar em conta na hora de escolher a melhor plataforma para blog. Isso é fundamental para garantir que todo o trabalho textual seja armazenado com segurança, além de evitar bloqueios ou até mesmo exclusão da conta.

As 5 melhores plataformas para blog

Blogger

O Blogger (ou Blogspot) é uma plataforma gratuita criada para produção de um blog para a empresa ou pessoa física que deseja produzir e monetizar seu conteúdo através de uma plataforma dinâmica e simples. A principal vantagem do uso do Blogger está em sua dinamicidade e facilidade de alterar algumas configurações visuais diretas do portal criado. Porém, por ser uma plataforma XML, o Blogger exige um pouco mais de trabalho na hora da edição geral, se comparado aos seus concorrentes diretos – mesmo assim nada que não se resolva com uma breve pesquisa no Google. Por permitir inserção de artigos publicitários, não ser necessária a preocupação com hospedagem e ser 100% grátis, o Blogger é uma das plataformas mais buscadas pelos produtores iniciantes.

Jimdo

Com uma interface bastante simples de ser customizada através de serviços mobiles (como smartphones e tablets), o Jimdo é uma ótima opção de estabelecimento de uma estratégia digital e de praticidade na hora de criar um blog, afinal os passos para a constituição do portal se dá de maneira rápida e mais dinâmica, se comparada aos demais. Para se ter uma ideia, os passos para a criação do Jimdo são: 1) Escolha entre os layouts disponíveis; 2) Escolher o nome do site (que irá acompanhar ‘jimdo.com’ ao final); 3) Clicar em “Criar Página” e o aplicativo gerará instantaneamente a página para criação de conteúdo. Simples, não?

Tumblr

Talvez nenhuma plataforma popularize um usuário de maneira tão assídua como o Tumblr em termos de alcance. Uma boa estratégia de marketing digital passa pelo Tumblr no que tange a popularização do nome do produtor de conteúdo. Com uma interface bastante minimalista, onde a composição do conteúdo é o próprio design da página, o Tumblr, com certeza é uma das melhores plataformas para blog existentes, sendo muito subestimada e pouco procurada pelos usuários produtores de conteúdo. A principal vantagem do Tumblr está em sua prática e rápida disseminação de informação que atinge um grande público de maneira rápida e instantânea, popularizando o produtor de conteúdo, atraindo público com uma estratégia digital diferente dos concorrentes.

Wordpress

Não está listada entre as melhores plataformas para blog à toa. O Wordpress possui a comunidade mais ativa em produção e gerenciamento de sites e blogs atualmente. Fácil, dinâmico e dono de muitos serviços únicos, o Wordpress é sempre muito procurado por iniciantes que desejam uma hospedagem de site, e o consequente crescimento dentro da internet. Com uma facilidade muito grande desde sua instalação, passando por sua configuração e futuro gerenciamento, o Wordpress é, com toda a certeza, o mais prático entre todos.

Joomla

Se o Wordpress é o mais famoso, o Joomla é o mais completo. Utilizado para a criação de pequenos sites até grandes portais da internet, o Joomla possui uma comunidade bastante heterogênea – até mais do que o Wordpress, afinal, conta com microsites e macrosites sustentados pela mesma plataforma. Quando se fala em Joomla, geralmente se fala em portais gigantes, como o Facebook, por exemplo, afinal ele é um sistema de gerenciamento de conteúdo 100% customizável e é mantido por webmasters de todo o mundo. Por ser um site mais robusto, o Jommla conta com um público bastante voltado a empresários que desejam crescer com sites, pois ele visa uma macro produção de conteúdo otimizado no portal criado.

Onde divulgar meu blog?

Facebook

O Facebook se tornou a rede social mais popular da década e não é por acaso. Com uma média de 1 bilhão de acessos por dia, a ferramenta deixou de ser utilizada como um instrumento de interação e passou a ser um meio de consumo de informações. Hoje em dia, uma empresa que se interessa pela imagem e relacionamento com o seu público deve incluir a rede social no planejamento de mídia digital. Com diversas funcionalidades, que vão desde os anúncios até a análise de resultados , o Facebook é indispensável para divulgar o conteúdo produzido para o blog.

LinkedIn

O Linkedin, por sua vez, não tem a intenção de apenas criar conexões de trabalho. Com um alcance mais selecionado, a rede social é voltada para corporações e profissionais de diversas áreas de conhecimento. Divulgar o blog em uma página ou perfil é fundamental para disseminar um conteúdo que fale com o público que deseja atingir. Se o seu produto é um curso, uma consultoria ou franquia, as chances de aproximar o contato com um potencial cliente são grandes. Se o blog é pessoal, o Linkedin é o melhor expositor para impulsionar a carreira por meio da divulgação do trabalho.

YouTube

O YouTube se potencializou no mercado mundial como uma rede social em que se pode falar de todos os assuntos e em diversos formatos de atuação: webséries, vídeos institucionais, campanhas publicitárias, videoclipes, divulgação de produtos, blog pessoal e etc. Por conta desse alcance tão variado, os vídeos assumem posição essencial em qualquer estratégia de conteúdo digital. Isso porque eles marcam o consumidor de informação na internet. Afinal, é isso que os clientes buscam ao seguir uma empresa nas redes sociais: boas experiências! Mais do que isso, o YouTube é uma das redes em que o investimento em anúncios rende mais resultados positivos.

Twitter

Passam os anos e o microblog conhecido pelos posts de 140 caracteres permanece invicto. O Twitter passou por muitas mudanças desde a concepção original, em meados de 2008, mas segue com o mesmo propósito de divulgar conteúdo em tempo real e de forma objetiva. Hoje em dia, qualquer posição desastrosa ganha grande repercussão na rede social e pode prejudicar a imagem do negócio. Por isso, o cuidado com a divulgação de conteúdo e relacionamento deve ser redobrado. Como estratégia de marketing digital, o Twitter é o lugar certo para se aproximar do público da sua empresa com publicações de qualidade.

Google

Alcançar uma boa imagem nas ferramentas de busca do Google é o impulso para o sucesso do seu projeto pessoal ou corporativo. O conteúdo de um blog deve levar em conta diversos critérios, que vão desde a ideia de um post até a publicação final. Os algoritmos do Google consideram a relevância e funcionalidade do texto, ou seja, se aquele conteúdo responderá os questionamentos dos usuários da ferramenta. As estratégias de SEO, que consideram palavras-chaves, URL’s, subtítulos, links internos e externos e tamanho do texto, foram elaboradas para otimizar essa comunicação entre o blog, a plataforma de busca e o usuário.

Quais as melhores métricas para o meu blog?

Origem do tráfego

Mais do que saber quantas pessoas acessam o seu blog, é preciso entender como os usuários chegaram até o conteúdo da sua página. O Google Analytics, principal ferramenta de análise de métricas, disponibiliza funcionalidades completas que explicam toda a origem do tráfego do seu site pessoal ou corporativo. O serviço é uma das principais formas de compreender o comportamento do público e, inclusive, pode ajudar a definir estratégias de divulgação do conteúdo do blog e parcerias importantes. A funcionalidade mostra a quantidade de pessoas que acessaram o seu conteúdo e qual caminho elas seguiram, ou seja, se encontraram pelo Google, redes sociais ou outros sites.

Taxa de Rejeição

Além de entender de onde partiram os acessos do blog que gerencia, o Google Analytics também permite saber o que motivou uma reprovação do conteúdo. A taxa de rejeição é uma métrica que preocupa, mas também ajuda a reavaliar estratégias digitais. Trata-se da quantidade de pessoas que acessaram determinado conteúdo, mas saíram da página sem interagir com ela, ou seja, nenhuma ação foi realizada por ela durante o período que permaneceu no site. Geralmente, o acesso é originário de uma landing page e a saída ocorre de diversas maneiras, como o fechamento da aba, selecionando o “Voltar” ou digitando um novo endereço.

Taxa de Cliques

A Taxa de Cliques (CTR) é uma das métricas mais importantes da estratégia digital de um blog para entender a qualidade do conteúdo que é promovido na internet. A CTR mostra quantas vezes o anúncio foi exibido na web e quantas impressões foram geradas e convertidas em um clique no site ou página. A métrica ajuda a compreender qual público está sendo atraído a partir de um conteúdo divulgado de forma paga e quantas pessoas se interessam por aquele tema. A Taxa de Cliques é uma das ferramentas mais utilizadas para avaliar o desempenho das palavras-chaves analisadas posteriormente na elaboração do conteúdo.

Geração de Leads

Um Lead é um usuário que se interessa pelo produto ou serviço que dissemina por meio do conteúdo do seu blog, ou seja, é um cliente em potencial. Por isso, toda a estratégia de conteúdo deve ser elaborada pensando nesse público. A grande sacada do marketing digital é converter um simples visitante em uma conexão por meio de informações essenciais do usuário para se promover um contato, como nome e e-mail, por exemplo. Isso mesmo! A métrica avalia quantas pessoas que se interessam pelo tema que aborda no blog deram um passo importante: decidiram receber mais informações sobre aquele produto ou serviço.

Interação nos comentários

O relacionamento e interação que se promove na página que gerencia tem se tornado cada vez mais fundamental para determinar a imagem de uma empresa. O engajamento do público irá dizer se o conteúdo que divulga está atingindo os objetivos definidos posteriormente. Para aumentar a taxa de interação nos comentários, é importante investir em postagens de qualidade e estimular a participação dos leitores. Não tenha medo de chamar o público para emitir uma opinião sobre o artigo ou acrescentar alguma posição. Além disso, otimize a experiência do usuário, evitando o login ou preenchimento de formulários. Respostas rápidas e funcionais também são essenciais.

As excelentes plataformas de blog, combinadas com as diversas funcionalidades para disseminar um conteúdo, podem definir o início de um grande negócio na internet. A estratégia digital deve sempre levar em conta a experiência do usuário, e como uma postagem pode ajudá-lo a encontrar a solução de um problema ou facilitar uma área da vida. Ter um não significa deixar de ter o outro. Todas são excelentes plataformas, e combiná-las pode ser uma ótima ideia para o início de um grande negócio na internet. Estar presente na comunidade, estar em evidência, colocar a sua empresa em evidência, isso é o importante. As 5 melhores plataformas para blog estão ao seu alcance, basta saber utilizá-las em combinação com as redes sociais que o sucesso é uma questão de tempo. Não deixe de conferir o nosso e-book gratuito 'Como mensurar e otimizar canais de marketing digital' e veja como melhorar os resultados com o seu blog!

André Cintra
André Cintra
André Cintra

Consultor, professor e palestrante com experiência em marketing digital e vendas. É CEO da Post Digital, agência de marketing digital fundada em 2010. Coordenou mais de 300 projetos personalizados para clientes nas áreas da saúde, educação, tecnologia, varejo e indústria. Ganhou o prêmio de Espada Ninja na Vitrine(Gold) no maior evento de marketing digital da América Latina, em 2019