Quando você precisa fazer uma reunião ou conferência de qualquer tipo, um dos maiores impedimentos é conseguir um local e um horário para que todos possam participar. Com o webinar isso acaba: trata-se de um modo de juntar as pessoas interessadas sem que ninguém tenha que sair de casa ou do serviço. Mas, para funcionar, é preciso usar uma plataforma de streaming que se adeque às necessidades de cada webinário específico.

Vale destacar, porém, que um webinar não é como a maioria das reuniões por videoconferência em que todos podem falar, aparecer e projetar a própria tela. Webinars são ações de marketing de conteúdo, praticamente seminários online, em que uma empresa ou um profissional entra ao vivo para falar de um tema específico, geralmente por cerca de uma hora.

Existem diversas ferramentas de transmissão de vídeo ao vivo, e também muitas plataformas próprias para a realização de webinars, tanto pagas quanto gratuitas. Conheça a seguir 6 plataformas para um webinar de sucesso e garanta que seu encontro online saia como planejado!

YouTube Live

Já conhecemos o YouTube como plataforma de vídeo do Google. Ao ter uma conta do Google (Gmail) e um canal configurado na rede, é possível fazer transmissões ao vivo. Para começar basta abrir a aba Criar e selecionar Transmitir ao vivo. Nessa área você terá a opção de começar a transmissão imediatamente, utilizando sua webcam apenas, ou o caminho para programar sua transmissão com agendamento, utilizando o apoio de um software próprio para transmitir com mudança de câmeras e telas - o que é o ideal para os webinars.

                                             

Anteriormente, existia a opção de usar o Hangouts Meet conectado no YouTube para fazer a transmissão ao vivo, mas essa ferramenta foi encerrada e você precisará de um programa próprio para entrar ao vivo no dia e hora marcados. Uma das plataformas mais utilizadas, por ser gratuita e bastante completa, é o Open Broadcaster Software (OBS). Saiba mais sobre ele a seguir. Também é possível conectar os vídeos ao vivo de plataformas como o Twitch (streaming de games e música), mas se você não tiver experiência com esse tipo de ferramenta e programação, garanta o básico. 

Open Broadcaster Software

Este é um software gratuito para instalar no seu computador. Ele vai poder conectar diferentes entradas de vídeo, áudio e apresentação de tela, além de criar chaves próprias para se conectar ao YouTube, ao Facebook e outros canais de transmissão ou publicação de vídeo. Você pode configurar tudo dentro do OBS para organizar sua apresentação no dia. Na hora combinada e divulgada para o seu público, basta clicar em “Iniciar Transmissão” e a ferramenta vai começar a enviar os dados para o YouTube ou outro canal usado para o seu webinar.

Adobe Connect

Diferente do concorrente da Google, o Adobe Connect foi desenvolvido com o objetivo de ser um meio de disseminação de webinários, e por isso entra na nossa lista de 6 plataformas para um webinar de sucesso. Não só isso, mas o sistema também possui vários outros recursos que podem ser usados em treinamentos corporativos, e-learning e outras soluções de comunicação.

A área que se destina aos webinários é o Adobe Connect Meeting, com recursos que incluem não só voz e vídeo como chat, slides, gravação do webinar para uso posterior e mais. Outra diferença em relação ao YouTube conectado ao OBS: é pago. É uma boa saída para empresas maiores, já que pode ser comprado com outros programas do pacote Adobe.

Zoom

O Zoom é conhecido como ferramenta de videochamadas, com a capacidade de reunir até 100 usuários na mesma conferência. O que poucos sabem é que esta ferramenta tem sua versão própria para transmissão de webinars e outros eventos ao vivo. O Zoom é pago, sendo recomendada para empresas que também utilizem as ferramentas de automação de marketing que fazem integração completa.

Como diferencial, o Zoom para webinars tem ferramentas próprias para integrar câmeras, abrir chat, fazer enquetes, receber questões, etc. 

Discord

Esta não é uma ferramenta de marketing digital, mas tem seu valor para fazer webinars e outras transmissões de vídeo. O Discord é uma rede social gratuita, em formato de chat e amplamente utilizada pela comunidade gamer. Além dos chats, a ferramenta introduziu um bom sistema de VOIP (voz sobre IP, as chamadas de áudio) para que as pessoas se juntassem para conversar sobre estratégias de jogos, mas isso logo foi amplamente adotado por escolas, famílias, amigos, bandas, empresas e afins.

Depois, a plataforma introduziu a possibilidade de conectar câmera (webcam) e o espelhamento de tela para que os grupos possam se conectar. Um impeditivo é que todos usuários devem ter uma conta na ferramenta e o programa instalado em seu computador, mas por ser gratuito é uma boa pedida para transmitir séries, por exemplo, e promover cursos mais práticos. Também é uma boa opção para transmissões de treinamentos internos e para reuniões dentro da sua empresa.

ePlaces

O ePlaces é o último, mas não por isso, menos importante, em nossa lista de 6 plataformas para um webinar de sucesso. Diferente das outras opções, ela dá mais abertura para que você faça diferentes estratégias dentro dos webinars - não apenas para comunicação interna, mas para vendas e marketing também. Por exemplo, é possível determinar que um botão de oferta surja no momento mais apropriado do seminário ou aula.

Os webinários na ePlaces podem ser ao vivo e integrados com o YouTube, ou gravados. Os espectadores são ilimitados, o número de webinários também, e a hospedagem é na nuvem. No pagamento, há três planos diferentes; você escolhe o melhor para seu bolso e seus objetivos!

Sendo uma ferramenta que já concentra a transmissão em vídeo e a plataforma de acesso dos seus visitantes, é uma boa pedida para simplificar seu trabalho. Também por isso é possível contar com o suporte próprio do ePlaces para resolver suas dúvidas. 

Fazer um webinar exige preparação do conteúdo e divulgação. Sempre observe se a ferramenta escolhida faz a captura de leads no momento de inscrição no webinar, e se não for o caso providencie isso com a criação de uma landing page. Isso ajuda a aumentar sua base de contatos para comunicação direcionada e também a enviar o material de apoio ou complementar ao seu webinar. Sempre programe lembretes para os participantes e também o link para acessar a página do webinar. 

Agora que você conheceu estas ótimas plataformas para webinar, não deixe de baixar o nosso ebook Guia de Ferramentas para Marketing Digital. E se tiver dúvidas, já sabe, comente aqui embaixo!

 

André Cintra
André Cintra
André Cintra

Consultor, professor e palestrante com experiência em marketing digital e vendas. É CEO da Post Digital, agência de marketing digital fundada em 2010. Coordenou mais de 300 projetos personalizados para clientes nas áreas da saúde, educação, tecnologia, varejo e indústria. Ganhou o prêmio de Espada Ninja na Vitrine(Gold) no maior evento de marketing digital da América Latina, em 2019