Ferramentas que conectam as pessoas sempre são úteis e bem-vindas na rotina de empresas. Enquanto uma parte do mercado e dos profissionais já conhecia e utilizava alguma ferramenta de videoconferência, ou videochamada, muitos foram forçados a trabalhar de casa e aprender do zero como utilizar estas plataformas.

Para além de serem uma necessidade no home office, as ferramentas para reuniões remotas ajudam no processo de vendas e ainda podem aumentar os seus contatos com prospects, além de servirem como canais para transmitir palestras, aulas e treinamentos.

Google Meet

Este produto chegou para substituir o Hangouts. O Google Meet é ótimo para fazer chamadas de áudio e vídeo com colegas e até com a família. É gratuito e exige apenas que o usuário tenha uma conta do Google (Gmail) para utilizar, disponível no navegador web e também em aplicativo mobile. A ferramenta promete uma transmissão segura e de boa qualidade, e você pode criar um link de convite e também uma senha para entrar na sala. Tem integração fácil com a agenda do Google e o e-mail da rede, sendo uma boa opção para os times que já confiam nestas soluções.

Zoom

Este é um software que deve ser instalado no seu computador ou com o aplicativo para telefone celular. O Zoom é bastante completo, mas limitado na versão gratuita. A videoconferência traz também recursos de chat e de perguntas (Q&A). Até 100 pessoas podem se conectar a uma reunião pelo Zoom Meetings, e nas versões gratuitas. Nas soluções profissionais , é possível gravar as reuniões, incluir mais participantes, gerar link personalizado e outros diferenciais. 

Cisco Webex Meetings

Muito similar ao Zoom, o Cisco Webex também tem versão gratuita, com software para computador ou app para smartphone, com o diferencial de não ter limite de tempo para as reuniões gratuitas. Soluções pagas trazem mais segurança e também permite gravação da reunião, transcrições do áudio, compartilhamento de arquivos e outras mais.

Skype

Este já é um veterano, sendo conhecido já desde 2005 como uma plataforma online para fazer chamadas por VOIP (voz sobre IP), que pode conectar um computador a um telefone. A plataforma também conta com chat, individual e em grupos, e com as chamadas de vídeo para fazer as reuniões remotas. A empresa foi comprada pela Microsoft em 2011, tendo uma sintonia melhor com outros serviços e ferramentas da empresa, a exemplo do Windows e do Outlook. Para soluções completas para empresas, o Skype está incluído dentro do Microsoft Teams, mas também está disponível em versões mais básicas e gratuitas.

E é claro que existem muitas outras ferramentas que permitem a videoconferência, incluindo aquelas que quebram um galho mas não são adequadas para reuniões de trabalho, como as ligações pelo vídeo do WhatsApp. As ferramentas que listamos aqui tem o benefício do compartilhamento de tela, que é muito importante para contextos de empresas ou cursos.

Conte aqui nos comentários qual ferramenta de videochamada você prefere e aproveite para se inscrever na nossa newsletter, conferindo todas as novidades do mês direto no seu e-mail. Basta responder ao banner aqui embaixo.

Luciana Gameiro
Luciana Gameiro
Luciana Gameiro

É jornalista e especialista em Comunicação e Marketing Digital. Redatora e analista das estratégias de Inbound. Está no canal da Post e sempre atualizada nos últimos memes.