O marketing digital para saúde tem como objetivo reunir estratégias que beneficiem as empresas do setor com o objetivo não só de atrair mais pacientes, mas também de fazer com que o profissional se posicione no mercado, ganhando autoridade e credibilidade no seu nicho.

Além de gerar bons resultados a longo prazo, focar em um bom planejamento estratégico irá melhorar a experiência do cliente em todo o processo, desde a busca da solução para o problema até a pós-consulta, onde é necessário garantir a sua fidelização.

Para entender melhor sobre este assunto, continue a leitura do nosso artigo e veja a importância de alinhar boas estratégias de marketing médico e se destaque da concorrência, garantindo a sua presença no mercado online da maneira correta! Boa leitura!

Automatize a sua rotina

Nos últimos anos, o setor da saúde precisou adaptar a forma como atrai, recebe e até mesmo atende os pacientes. E quem soube adotar um bom sistema de automação de marketing, conseguiu se destacar pelos benefícios que essa estratégia traz para seu negócio ao economizar esforços em processos operacionais do dia a dia, como atender demandas simples de marcar consultas e dar mais foco para atividades estratégicas, de análises e melhorias.

Métricas de marketing para médicos

Acompanhar os dados e alinhar as estratégias e investimento de acordo com o que é visto nas métricas da sua clínica ou consultório, é de extrema importância. As métricas são fundamentais para o sucesso da gestão do seu negócio e é somente olhando para elas que será possível observar os pontos fortes e fracos da sua atuação no mercado digital e pensar em novas oportunidades de investimentos. Tomar decisões baseadas em dados reais eleva o nível de precisão da estratégia, gerando resultados mais satisfatórios.

Para isso, é necessário definir uma periodicidade de acompanhamento das métricas a fim de obter bons parâmetros de comparação e observar se, de fato, suas ações estão no caminho correto, se está conseguindo captar mais leads e também observar a lucratividade do seu negócio. Confira abaixo as principais métricas para acompanhar:

  • ROI (Retorno sobre Investimento)

Essa métrica mostra o quanto de dinheiro a empresa está ganhando ou perdendo com cada investimento realizado. Ao final de uma ação de marketing, por exemplo, é possível verificar se teve algum retorno financeiro ou não.

  • CAC (Custo de Aquisição de Clientes)

Mostra o quanto está sendo investido para conquistar cada cliente para o seu consultório. São somados todos os custos relacionados com a captação de pacientes e depois dividido pelo número total de pacientes que você atendeu durante aquele mesmo período.

  • Churn Rate

Ao medir o Churn Rate, você saberá exatamente quantos pacientes estão desistindo do seu serviço ao final de um período de tempo. Com esta métrica em mãos será possível rever a estratégia para poder voltar a reter seus pacientes.

Atenção ao código de ética!

Se comunicar com o seu público-alvo de maneira correta, ética e responsável, é primordial para que as estratégias fluam da melhor maneira possível. Para isso, é necessário se atentar às boas práticas do marketing médico:

  • Não utilize fotos dos pacientes em peças promocionais;
  • Não divulgue preços e formas de pagamento;
  • Não faça afirmações que não foram baseadas ou extraídas em estudos clínicos veiculados em publicações científicas;

Dentre muitas outras regras. Aproveite para expandir seus conhecimentos sobre este assunto, baixando o nosso e-book “Ética médica no marketing digital: o que pode e o que não pode ser feito”.

Conclusão

Caso tenha dúvidas de como colocar em prática as estratégias vistas neste artigo, talvez seja necessário contratar uma agência especializada no assunto, como a Post Digital. Dessa forma, será possível contar com profissionais que entendem do tema para alinhar de maneira assertiva a presença digital do seu negócio.

André Cintra
Giselle Ribeiro
Giselle Ribeiro