O universo online está se tornando cada vez maior. Sendo assim, se tornou indispensável que as empresas tenham uma presença no digital. Afinal, ele traz diversos benefícios, como maior visibilidade para as marcas.

Nesse sentido, com o avanço da internet, as redes sociais também vêm se tornando peça fundamental para as estratégias de marketing de qualquer organização. Pois, elas permitem que as empresas tenham um canal direto com o público.

E, dentre as ferramentas mais usadas pelas companhias está o YouTube. Isso porque, a plataforma permite que as empresas, por meio de vídeos, consigam estabelecer uma conexão com os possíveis clientes. Portanto, se ainda não criou uma conta nessa rede, chegou o momento, pois ela poderá alavancar, e muito, os seus resultados.

Neste conteúdo, você terá acesso ao que é o YouTube, estratégias para criar vídeos de sucesso, principais benefícios, erros que deve evitar e muito mais. Para conferir, basta continuar a leitura!

História do YouTube

Fundado nos Estados Unidos, em fevereiro de 2005, por Chad Hurley, Steve Chen e Jawed Karim, o YouTube se tornou um verdadeiro fenômeno, sendo o maior site para assistir vídeos do mundo.

Em 2006 a plataforma passou a fazer parte do Google e, atualmente, já conta com mais de 2 bilhões de usuários — para que tenha noção do alcance, a ferramenta está presente em mais de 100 países.

Na ferramenta, é possível publicar vídeos. E, além disso, ela também permite que os usuários interajam por meio dos comentários. Outra função é a de like e deslike, em que o público usa para expressar sua opinião sobre o conteúdo.

Indo além, o Google também decidiu expandir a marca lançando o YouTube Music, streaming de áudio, e o YouTube Premium, em que o usuário paga uma mensalidade e em troca tem benefícios, como a ausência de publicidade.

Por que usar o YouTube nas estratégias de marketing?

Como citamos anteriormente, o YouTube conta com um grande número de usuários. Sendo assim, é uma ótima oportunidade para que a sua organização consiga conquistar novos clientes no mercado por meio das estratégias em vídeo.

A todo momento as pessoas estão conectadas nessa plataforma em busca de conteúdos para responder os seus principais questionamentos, buscar soluções ou até mesmo se entreter. Portanto, posicionar a sua empresa nesse local fará com que as suas chances de ser visto sejam maiores.

Outro ponto importante é que nessa rede social, a sua organização poderá elaborar vídeos mais completos, pois as pessoas que acessam estão acostumadas com esse formato. Por outro lado, no Instagram, por exemplo, ter um conteúdo com mais de 10 minutos pode ser grande demais para o público.

Portanto, se quer ter a oportunidade de criar conteúdos mais detalhados, capazes de explicar bem o que a sua empresa deseja, o YouTube pode ser a plataforma certa.

Dicas para criar vídeos de sucesso

Agora que já entendeu mais sobre a história do YouTube e o porquê de apostar nessa estratégia, está na hora de aprender como agir de fato. Para isso, selecionamos algumas dicas para que crie vídeos de sucesso. Veja a seguir!

Estudar a audiência

O primeiro passo é, com certeza, estudar bem o público. Afinal, é preciso que entenda o que as pessoas esperam e querem ver no seu canal.

Portanto, para chegar a essa resposta, você deve fazer uma pesquisa para entender quais são as principais necessidades, dores, motivações e dúvidas do público que deseja atingir. Lembrando que quanto maior o número de informações, mais assertiva será a sua estratégia.

Outro fator importante é entender como funcionam os hábitos de consumo da sua audiência. Isso porque, essas informações ajudarão a definir a frequência e a duração adequada do vídeo, por exemplo.

Para que consiga entender com quem irá se comunicar, crie uma persona, isto é, um perfil de cliente ideal para a sua organização. Sendo assim, detalhe idade, gênero, profissão, dores, hábitos de consumo, etc.

Tenha um propósito

Depois de entender melhor sobre a sua audiência, é necessário definir qual é a sua motivação para postar vídeos. Por exemplo, quer aumentar a sua visibilidade, gerar tráfego para seu blog ou vender mais?

Ter o seu objetivo principal em mente é primordial para que consiga optar por conteúdos que irão te ajudar a alcançá-lo.

Coloque a idéia no papel

Muitas pessoas acreditam que sabem bastante sobre o tema do vídeo. Sendo assim, acabam deixando o roteiro de lado. Porém, esse é um grande erro.

Organizar as ideias nem sempre é uma tarefa simples. Com isso, você pode acabar se perdendo no meio da explicação. Além disso, um roteiro ajuda a otimizar o tempo, já que os erros serão bem menos, uma vez que não terá confusões e esquecimentos durante a gravação.

Outro ponto importante do roteiro é que ele ajuda quanto ao tempo de vídeo. Pois, com a ideia no papel, é possível ter uma média. Agora, com o improviso fica muito mais difícil.

Tenha planejamento

Antes de começar a gravar o vídeo de fato, faça um levantamento de todos os materiais que serão necessários, pois o planejamento ajudará, e muito, para que otimize o seu tempo.

Além disso, também trabalhe com um plano B, pois pode acontecer de algum equipamento acabar falhando, prejudicando assim, a qualidade do seu conteúdo.

Fique a vontade com a câmera

Tem vergonha de falar com a câmera? Infelizmente, essa situação é bem comum. Porém, você não pode deixar transparecer ao público, pois isso deixa o conteúdo engessado e sem graça.

Para resolver esse problema, pense em soluções para ficar mais confortável. Por exemplo, gravar sem a presença de outras pessoas, treinar antes, etc.

Por mais que seja difícil, esse pequeno detalhe fará total diferença no resultado final do seu vídeo. Portanto, se jogue e faça o momento ser leve e divertido.

Se atente ao local da gravação

Outro ponto muito importante é definir um bom local para a gravação, isto é, que tenha uma boa iluminação e sem muitos ruídos.

Imagine assistir um vídeo com barulhos no fundo, péssimo não é? Pode acabar dificultando que o público entenda o conteúdo. Sendo assim, se certifique de encontrar o local certo para que tenha um excelente resultado.

Se atente ao início do vídeo

Outro ponto importante para quem deseja criar vídeos de sucesso é ficar atento aos primeiros segundos do vídeo. Afinal, é esse o momento que irá convencer para que o público decida ou não seguir com o conteúdo.

A primeira dica nesse sentido é utilizar esses primeiros segundos para falar do que se trata o vídeo. Além disso, outra estratégia pode ser fazer alguma ação inusitada, pois isso vai acabar quebrando a expectativa da audiência, fazendo com que ela tenha o interesse de ver todo o vídeo

Pense no título

Como você escolhe qual conteúdo vai ver? Normalmente, isso acontece por meio do título. Portanto, garantir que escolha as palavras certas é primordial para que chame a atenção do público.

Tenha em mente que você tem diversos concorrentes no mercado. Sendo assim, todos estão em busca de conquistar a audiência. Com isso, precisa, de alguma forma, ganhar essa disputa. E, o título é o que poderá te auxiliar.

Escolha uma boa Thumbnail

Além do título, a imagem de capa do vídeo é outro aspecto que o público avalia ao escolher qual conteúdo irá assistir. Por isso, é importante que se atente a esse aspecto para optar por uma imagem que seja atrativa.

Na busca por visualizações algumas empresas tendem a usar essa ferramenta de forma inadequada, escolhendo fotos que chamem a atenção, mas que não estão relacionadas com o vídeo. Porém, não faça isso, seja coerente com o seu público!

Entregue o que prometeu ao público

Já entrou em um vídeo ou em uma notícia, porém o título não retratava o conteúdo? Essa ação é muito comum! Algumas pessoas usam assuntos polêmicos somente para gerar mais visualizações.

Se a sua empresa utiliza dessa estratégia, mude imediatamente. Pois, ao ver o conteúdo, o público ficará descontente com a sua organização, fazendo assim com que perca toda a credibilidade construída.

Se dedique a edição

Muitas pessoas acabam não dando tanto valor a essa parte, a fazendo de qualquer forma. Porém, para que consiga se destacar, pense nessa etapa detalhadamente.

Por exemplo, quando for redigir o seu roteiro, já detalhe informações como momentos de transições, a inserção de imagens e muito mais. Além disso, após a gravação pode ser necessário realizar cortes, legendar alguma parte, etc. Portanto, realizar essa tarefa com tempo e atenção é essencial.

E aí, já conhecia algumas dessas dicas? Se não, comece a colocá-las em ação para que consiga perceber todos os benefícios que elas irão proporcionar para os seus vídeos. Pode ter a certeza de que o resultado final do seu conteúdo ficará muito mais interessante para a audiência.

Principais benefícios do Youtube

Se você ainda está pensando se ter um canal no YouTube é a melhor opção para o seu negócio, não se preocupe. Pois, a seguir selecionamos os principais benefícios de contar com essa ferramenta, garantindo assim, que tenha a certeza da sua escolha. Confira!

  • Maior visibilidade

Uma das principais vantagens que terá para o seu negócio, ao criar um canal do YouTube, é maior visibilidade. Isso porque, existe uma audiência que está somente nessa rede. Sendo assim, estar presente nela fará com que alcance um público que não conseguirá encontrar em outros locais.

E, sem dúvidas, ter maior visibilidade é essencial para o sucesso de qualquer organização. Afinal, quanto maior o público que conseguir impactar, maiores são as chances de conseguir vender mais, aumentando assim, o faturamento e, consequentemente, o lucro da empresa.

  • Aumenta o tráfego

Como citamos anteriormente, o público do YouTube é muito grande. Sendo assim, caso crie conteúdos de qualidade, conseguirá aumentar, e muito, o número de pessoas que passarão a conhecer sua organização.

Essa rede é uma ótima oportunidade para que consiga gerar mais tráfego para o seu negócio, devido ao grande número de usuários. Portanto, não perca tempo e crie conteúdos de qualidade para atrair o público.

  • Marketing viral

Outro benefício do YouTube é que ele facilita a viralização dos conteúdos. Por exemplo, é muito comum recebermos links de vídeos por outras plataformas, como no WhatsApp.

Normalmente, quando uma pessoa gosta de algum conteúdo, principalmente em vídeo, ela tende a compartilhar com outras pessoas, fazendo com que a divulgação do conteúdo se torne maior.

  • Oportunidade de produzir conteúdos mais profundos

Os vídeos permitirão que a sua empresa crie conteúdos mais detalhados sobre determinado produto ou solução.

Com artigos, também é possível ter conteúdos mais profundos, porém, devido a extensão, alguns usuários podem acabar não lendo o texto. Já com o vídeo, o consumo é mais fácil, uma vez que não necessita de tanto atenção quanto conteúdos escritos.

  • Aumento das vendas

Com as estratégias certas, a sua empresa conseguirá aumentar, e muito, a audiência. E, como consequência dessa ação, há também o aumento das vendas.

Mas, claro, para que consiga bons resultados, é preciso criar vídeos que façam sentido para o público que deseja alcançar, pois somente assim, eles irão se interessar pelo que a sua organização oferece.

  • Conhecimento da audiência

As empresas devem estar sempre em busca de conhecer mais da sua audiência. Afinal, sabendo das características do público, as estratégias se tornam muito mais assertivas.

E, com o YouTube, você pode ter insights interessantes nesse sentido. Por exemplo, com base nas visualizações, conseguirá entender o que faz mais sucesso para o seu público, permitindo que faça alterações constantes para otimizar os seus resultados.

  • Autoridade no mercado

Se você produzir conteúdos com informações relevantes e de qualidade, certamente o público passará a reconhecer a sua empresa como uma referência no mercado.

Sendo assim, sempre que precisarem de novas informações ou tiverem dúvidas, irão procurar o seu canal como suporte.

E aí, já sabia de todos esses benefícios? Se tinha dúvidas sobre criar ou não um canal para a sua empresa, saiba que essa opção trará esses e outros benefícios para a sua organização. Portanto, não perca tempo e crie o seu perfil na rede agora mesmo.

Quer aumentar as visualizações do seu vídeo? Confira algumas dicas!

Agora, se você já seguiu todas as nossas dicas para criar vídeos de sucesso, porém ainda não conta com um bom número de visualizações, chegou a hora de mudar essa situação. Para isso, selecionamos alguns aspectos que poderão ajudar a aumentar a sua audiência. Veja a seguir!

Faça integração com suas outras redes

Principalmente se já contava com outras redes, mas começou com o YouTube agora, essa pode ser uma boa opção. Afinal, assim você irá buscar pelo público que já te acompanha em seus outros canais.

Existem diversos locais em que pode aproveitar para inserir os seus vídeos, por exemplo, no Facebook, Instagram, site, e-mail marketing e muito mais.

Para fazer essa integração, basta avaliar se o assunto faz sentido com o tema do vídeo. Após alinhar essa questão, basta incluí-lo para que o conteúdo se torne ainda mais completo.

Faça parcerias

Para essa dica, existem duas opções: fazer parcerias com influenciadores ou com outras empresas. Para decidir, faça uma análise para que entenda o que será mais viável para a sua organização.

Se optar pelos influenciadores, avalie bem o perfil, pois deve ser uma pessoa que se comunique bem com o seu público-alvo. Afinal, não adianta conquistar uma audiência que não tem interesse nas suas soluções, não é mesmo?

Agora, se for fazer parcerias com empresas, também é preciso analisar se possuem públicos semelhantes. Nessa opção, você pode propor para a organização que produzam e compartilhem os conteúdos em ambos os canais ou pode apostar em entrevistas ou webinars, fazendo assim, com que consiga ampliar a sua visibilidade devido à participação de outra companhia relevante no mercado.

Interaja em outros canais

Outra forma de conseguir divulgar os seus vídeos para que cresça o número de visualizações é interagindo por meio de outros canais, fóruns da web, etc.

Porém, tenha cuidado! Algumas empresas fazem propagandas descaradas e sem sentido, podendo até mesmo soar como inconvenientes para o público. Portanto, só indique os seus conteúdos quando identificar que eles poderão auxiliar algum usuário, ok?

Faça playlists

Imagine um canal com centenas de conteúdos, vai ser difícil encontrar os temas que deseja, não é mesmo?

Nesse sentido, as playlists são muito interessantes, pois elas vão tornar a vida do seu público mais fácil, já que basta acessá-las para que consiga visualizar todos os conteúdos sobre o tema.

Essa pequena ação ajudará a aumentar as suas visualizações, pois irá incentivar o usuário a assistir os demais vídeos, a fim de que adquira bastante conhecimento sobre o assunto.

E aí, gostou dessas dicas? Agora, basta avaliar quais delas fazem mais sentido para a sua empresa e colocar em ação!

Garantir maior visibilidade para os seus vídeos é importante, pois fará com que mais pessoas reconheçam a sua marca, aumentando assim, as chances de conseguir vender mais. Portanto, não ignore essas dicas e garanta mais visualizações nos seus conteúdos!

Como postar no YouTube?

Agora que aprendeu os benefícios e como criar vídeos de sucesso, chegou o momento de aprender na prática, de fato, como colocar o seu canal para funcionar. Para isso, selecionamos um passo a passo, veja!

  • Entre na sua conta

Para postar um vídeo, é preciso que esteja vinculado a uma conta. Portanto, caso não tenha, basta criar e, assim, realizar o login.

  • Clique no símbolo da câmera

Após entrar no seu canal, procure por um símbolo de câmera com um sinal de “+” dentro. Para ficar mais simples, o ícone fica no canto superior esquerdo. Após isso, selecione “enviar vídeo”.

  • Faça o upload

Clicando na opção que citamos anteriormente, abrirá uma nova tela para que faça o upload do vídeo que deseja subir. Sendo assim, basta clicar em “selecionar arquivos”.

Lembrando que neste momento você pode optar por subir mais de um arquivo de uma vez. Portanto, vale analisar o que faz mais sentido para o canal no momento.

  • Escolha o título e a descrição

Após escolher o conteúdo abrirá uma nova tela para que escreva o título e a descrição do conteúdo. É preciso ter muita atenção ao definir essas partes, pois o algoritmo do YouTube analisa essas questões para definir as categorias e as buscas em que o seu vídeo irá aparecer.

Uma boa prática para te auxiliar nesse sentido é inserir a palavra-chave em ambos. Outro ponto que pode te auxiliar é utilizar links na descrição para outros conteúdos da sua empresa.

  • Escolha a miniatura

Ainda na mesma tela, você deve escolher a miniatura. Basicamente, trata-se da capa do vídeo. Sendo assim, preste muita atenção para garantir que seja uma imagem chamativa. Afinal, o público avalia bem essa miniatura antes de escolher clicar no vídeo.

  • Acesse a parte de elementos do vídeo

Tanto o título quanto a miniatura ficaram na aba de “detalhes”. Agora, passe para a próxima tela e acesse “elementos do vídeo”. Nessa etapa, você poderá adicionar cards, deixando o seu conteúdo mais interativo para o público.

Para realizar essa ação, basta escolher uma parte do vídeo em que deseja adicionar outro conteúdo, que pode ser um vídeo do canal ou uma playlist, por exemplo, com assuntos relacionados.

  • Escolha a visibilidade

Adicionados os cards, chegou o momento de definir qual será a visibilidade do seu conteúdo. Confira as três opções disponíveis:

Privado: nessa opção seu vídeo ficará visível apenas para você e pessoas autorizadas;
Não listado: o vídeo só poderá ser visto caso a pessoa possua o link;
Público: qualquer pessoa poderá visualizar o conteúdo pelas buscas.

Normalmente, as empresas optam por deixar os conteúdos na opção “público”. Afinal, o intuito é gerar mais visibilidade para a organização.

  • Programe

Como tudo escolhido, chegou o momento de publicar o conteúdo. Aqui, você pode optar por postar no momento ou programar o vídeo para outra data e horário. Caso tenha um calendário, vale ficar de olho para que coloque para o dia certo.

Já sabia desse passo a passo? Caso não, basta segui-lo para que consiga publicar os seus vídeos de forma prática!

Principais métricas do YouTube

Sem dúvidas, todas as estratégias que você realizar no YouTube devem ser analisadas para que identifique se deram o resultado esperado. Afinal, avaliar os indicadores é importante para que seja possível entender o que faz mais sucesso para a audiência.

Portanto, para te auxiliar nesse aspecto, selecionamos as métricas mais comuns que devem ser analisadas quando o assunto é a plataforma do YouTube. Confira a seguir!

  • Tempo de exibição

Esse indicador se refere ao tempo que os usuários se dedicaram para ver os seus conteúdos. Portanto, é uma métrica importante para analisar se o público está tendo interesse nos vídeos.

Caso perceba que possui vídeos longos, porém o tempo de exibição não está correspondendo a essa realidade, pode ser o momento de revisar os seus roteiros para entender novas formas de conseguir captar a atenção da audiência para que ela se conecte com o vídeo.

  • Visualizações em tempo real

Essa métrica é importante, pois permitirá que analise as suas estratégias de forma rápida. Afinal, você poderá avaliar o desempenho dos seus conteúdos nas últimas 48h.

Sendo assim, nesse curto período, é possível analisar o desempenho dos seus vídeos para entender como está a performance do seu canal e se é possível fazer algo para que ele se desenvolva mais.

  • Visualizações do canal

Aqui, você consegue entender quantas vezes os seus vídeos foram visualizados. E, é interessante analisar os conteúdos individualmente. Isso porque, você conseguirá entender quais vídeos estão abaixo ou acima da média nesse quesito.

Os que estão tendo mais sucesso, devem ser pegados como exemplo. Afinal, são conteúdos interessantes para o público. Já os que estão abaixo da média devem ser avaliados para que entenda o motivo de não ter tantas visualizações, por exemplo, se o tema não faz sentido, se o título está pouco atraente, etc.

  • Duração média de visualização

Quer entender quanto tempo os usuários estão se dedicando a ver os seus vídeos? Então, essa é a métrica ideal. Ela permite entender se os seus conteúdos estão sendo vistos até o final ou não.

A informação que recolhe nesse indicador pode ser interessante para que seja definido o tempo ideal de duração para os seus próximos vídeos.

  • Número de inscritos

Como o próprio nome sugere, é o número de pessoas que clicaram no botão “inscrever-se” para começar a acompanhar o canal e todas as suas atualizações.

Infelizmente, alguns canais possuem muitas visualizações, porém o número de inscritos não acompanha essa realidade. Portanto, é sempre importante lembrar a sua audiência de se inscrever no canal — muitas pessoas e/ou empresas criam uma chamada no início ou no fim para lembrar o público de realizar essa ação.

  • Top vídeos

Quer ver os vídeos que tiveram maior sucesso no seu canal? A métrica top vídeos te auxilia nesse sentido.

O interessante é que você pode filtrar com base em um determinado período da sua preferência, a fim de identificar os seus melhores vídeos naquele prazo.

  • Métricas de audiência

Entender as características das pessoas que estão assistindo os seus conteúdos é muito importante. Afinal, saberá que aquele perfil busca por temas nos quais a sua empresa é referência.

Sendo assim, no YouTube é possível visualizar detalhes do seu público por meio da métrica de audiência. Com isso, você poderá criar a sua persona, podendo otimizar ainda mais as suas estratégias, já que saberá exatamente com quem está se comunicando.

  • Visualizadores únicos

Neste indicador não é contabilizado o valor total de visualizações, mas sim a quantidade de pessoas que assistiram o seu vídeo. Portanto, se uma mesma pessoa visualizou três vezes, por exemplo, apenas uma será contada.

Essa métrica mostra, de fato, a quantidade de pessoas que estão consumindo o seu conteúdo. Sendo assim, ficar de olho para entender como essa métrica está evoluindo é essencial.

  • Público online

Outra informação importante que o Youtube permitirá que visualize são dados sobre quando as pessoas que assistem o seu canal estão online.

Com esses detalhes, você entenderá quais são os melhores dias e horários para que consiga postar conteúdos. Ah, outro ponto importante é que, caso faça algum evento ao vivo, também saberá qual o melhor momento.

  • Dispositivos

Ainda para entender mais sobre os espectadores do seu canal, também é possível visualizar por onde os seus vídeos são assistidos, por exemplo, pelo PC ou smartphone.

Com base nessa informação, é possível que crie novas abordagens, altere alguns detalhes da produção, etc.

  • CTR

Quantas pessoas estão clicando nos seus vídeos? Ter atenção a esse detalhe é muito importante.

Ah, lembrando que uma taxa ruim pode estar relacionada com uma baixa qualidade no título, na imagem de capa ou na descrição. Afinal, são esses fatores que a audiência analisa antes de começar a assistir um conteúdo.

  • Origem do tráfego

Entenda de onde a sua audiência está surgindo por meio do indicador “origem do tráfego”.

Analisar esse fator é importante para que entenda em quais pontos a sua empresa deve trabalhar para que consiga adquirir mais relevância e assim, aumentar o número das visualizações.

  • Inscritos no vídeo

Para que veja se um vídeo realmente foi interessante e ajudou no crescimento do seu canal, visualize a métrica de inscritos no vídeo. A partir dela, você conseguirá ter acesso a quantas pessoas clicaram no botão de se inscrever enquanto estavam assistindo a determinado conteúdo.

  • Like e dislike

Já viu aquele botão de joinha que fica nos conteúdos? Geralmente, quando as pessoas gostam do conteúdo marcam como like, caso contrário, dislike.

É importante ter em mente que todos os canais irão receber dislike. Afinal, não é possível agradar a todos. Porém, é preciso ter cuidado para que esse número não seja tão alto em relação a quantidade de likes e visualizações.

  • Clique nos cards

Quando publicar o seu vídeo, é possível adicionar alguns conteúdos antigos para que crie uma narrativa mais completa para a audiência. Portanto, é possível entender quantas pessoas acharam interessante e clicaram nos conteúdos que você indicou.

  • Comentários

Sendo uma métrica de engajamento, é possível ver quantos comentários o seu vídeo teve. Aqui, para melhorar esse indicador, tente incentivar a audiência, por exemplo, peça a ela para contar sobre sua própria experiência, pergunte se possui dúvidas, etc.

  • Compartilhamento

Talvez essa seja a métrica que mais represente que o seu público realmente esteja gostando do seu conteúdo. Isso porque é preciso achar um vídeo muito interessante a ponto de passar para outras pessoas.

Sendo assim, caso tenha uma alta taxa de compartilhamentos, saiba que está no caminho certo. Pois, além de conquistar visualizações, está conseguindo divulgadores naturais da sua empresa.

Ah, só é preciso ficar atento, pois em algumas ocasiões o público pode acabar compartilhando o conteúdo para falar mal da organização ou divulgar alguma falha, por exemplo. Com isso, é importante entender o motivo pelo qual o conteúdo está sendo passado para frente.

E aí, já conhecia todas essas métricas? Além dessas, existem diversas outras. Portanto, acompanhar todos os indicadores pode ser inviável. Com isso, a sua empresa deve fazer uma análise de quais fazem mais sentido para o crescimento da empresa, ok?

O que você deve evitar ao fazer estratégias para o YouTube?

Sem dúvidas, são muitas as empresas que desenvolvem estratégias para o YouTube. Porém, poucas delas realmente fazem sucesso e são referências no mercado. E, essa ação pode acontecer por uma série de erros. Para conferir alguns deles, veja a seguir!

Não planejar

Primeiramente, um dos grandes erros das empresas é não realizar o planejamento adequado para começar a realizar os vídeos. Por exemplo, é necessário estudar bem o público para que defina com antecedência a linguagem que será usada, os temas de interesse e muito mais.

Pensando nisso, se quer ter sucesso nas suas ações, faça um planejamento. Afinal, uma estratégia precisa ser bem pensada para que dê o resultado esperado.

Pensar apenas em viralizar

Saiba que o objetivo principal da sua empresa nunca deve ser viralizar. Afinal, a alta quantidade de visualizações não é uma garantia de que conseguiu atingir o público-alvo.

Por mais que busque ter uma boa audiência, o foco principal não deve ser esse. Pois, resultados quantitativos nem sempre trazem resultados reais. Portanto, passe a sua mensagem e enxergue a viralização como um bônus.

Ignorar os detalhes

Você sabia que existem algumas particularidades do YouTube? São detalhes que a sua empresa deve ter atenção, pois podem contribuir, e muito, para alavancar os resultados.

Sendo assim, algumas das ações que deve realizar, nesse sentido, são: crie um título chamativo e se atente à primeira frase da descrição, pois ela que irá aparecer nos resultados de busca.

Não analisar os resultados

Tenha em mente que criar um vídeo e apenas publicá-lo não basta, é preciso também avaliar os resultados para entender quais são os pontos de melhoria.

Portanto, sempre que produzir um conteúdo, fique atento aos indicadores para entender qual o próximo passo a ser feito para que consiga otimizar as suas estratégias.

Comete algum desses quatro erros? Infelizmente, essas ações são bem comuns. Portanto, é preciso ter atenção para evitar cometê-los, pois eles podem acabar comprometendo as suas estratégias!

SEO para YouTube

Você já ouviu falar em SEO? Trata-se da sigla para Search Engine Optimization, que em português se refere a otimização para mecanismos de busca.

Basicamente, é um conjunto de estratégias que tem como objetivo melhorar o ranqueamento de uma página para que ela fique nas primeiras colocações nos motores de busca.

É muito comum que essa estratégia seja aplicada em blogs, pois as empresas buscam fazer com que seus sites ganhem cada vez mais relevância nos buscadores, como o Google. Porém, quando se trata do YouTube, também é possível colocar essa ação em prática. Pois, essa estratégia permite que os vídeos fiquem no topo da plataforma.

E aí, quer conhecer mais dessa técnica para ganhar relevância nos seus conteúdos? Então, confira nossas dicas!

  • Faça o uso correto das palavras-chave

A escolha das palavras-chave é essencial para o sucesso de qualquer conteúdo. Isso porque, é por meio delas, que o mecanismo identifica o tema do conteúdo, faz a indexação e entrega ao usuário por meio das buscas.

Pensando nisso, elas devem ser inseridas em alguns lugares que são estratégicos, por exemplo, título, descrição e tags.

Além de inserir nos locais indicados, também é necessário que faça uma pesquisa para entender se o termo escolhido realmente faz sentido, isto é, se ele é capaz de resumir o seu conteúdo e se tem o poder de chamar a atenção do público.

  • Escolher um bom título

Sem dúvidas, o fator principal para que o YouTube entregue os seus vídeos se relaciona com o título. Afinal, quanto mais próximo ele for da pesquisa dos usuários, maiores são as chances de conseguir aparecer nas primeiras colocações.

Pensando nisso, faça o exercício de pensar o que o público digitaria para encontrar o seu conteúdo. Ah, e lembre-se, a inserção da palavra-chave é primordial.

  • Use as Tags

Um dos pontos que o YouTube analisa para indexar os conteúdos da forma correta são as tags. Por esse motivo, é importante que as insiram nos seus vídeos.

Outro ponto importante é que as tags também servem para que a plataforma relacione os seus vídeos como recomendados, o que pode ajudar, e muito, a gerar tráfego para o seu canal.

Lembre-se de realmente adicionar termos que fazem sentido com o seu conteúdo, ok?

  • Se atente a descrição

O YouTube também utiliza as descrições para entender o assunto dos vídeos. Sendo assim, use esse espaço para detalhar o que será abordado em cada conteúdo.

Nesse momento, inclua as palavras-chave do seu vídeo. Afinal, assim o YouTube aumentará as chances do seu conteúdo aparecer para os termos adicionados.

  • Mude o nome do arquivo

Uma boa estratégia de SEO para o YouTube começa antes mesmo de inserir o vídeo na ferramenta. Isso porque, adicionar a palavra-chave no nome do arquivo ajudará a plataforma a reconhecer o tema do seu vídeo, contribuindo para um bom ranqueamento.

  • Não faça vídeos tão curtos

Conteúdos muito curtos, com menos de 2 minutos, por exemplo, tendem a ficarem mal posicionados. Isso ocorre, pois a plataforma entende que se trata de um vídeo superficial.

Pensando nisso, vale a pena se esforçar para começar a investir em conteúdos maiores. Ah, mas, claro, não é preciso seguir a risca. O ideal é analisar o seu nicho antes de definir essa ação.

Aproveite todas essas dicas, pois elas farão com que aumente as chances dos seus conteúdos ficarem bem posicionados na plataforma. E, isso é muito importante para o crescimento do seu canal, pois o público tende a clicar nas primeiras indicações.

YouTube Ads: o que é e como funciona?

Quando o assunto é YouTube, outro ponto importante a ser abordado é o YouTube Ads. Basicamente, se refere a um serviço de mídia paga, em que permite que os usuários façam propagandas por meio da plataforma.

Essa funcionalidade faz parte do Google Ads. Sendo assim, o planejamento da campanha, bem como a configuração de público, orçamento e acompanhamento, é feito por lá.

Anunciar por meio dessa ferramenta é uma ótima opção para o seu negócio. Afinal, são diversas visualizações que a rede tem por dia. Portanto, é uma oportunidade de trazer maior visibilidade para a sua marca.

Tipos de anúncios no YouTube Ads

Outro benefício de anunciar no YouTube é que ele possui uma variedade de tipos possíveis para a divulgação de um conteúdo. Veja a seguir:

Anúncios breves: como o próprio nome sugere, são anúncios de curta duração, cerca de aproximadamente 6 segundos. Esse tipo pode aparecer tanto no início do conteúdo quanto no meio. Devido ao tempo, essa opção não pode ser pulada pelo usuário. Sendo assim, é preciso ter cautela para não parecer inconveniente.
Anúncios in-stream: esse tipo tem um tempo maior de duração, podendo aparecer também antes ou no meio do conteúdo. Nessa possibilidade, você pode optar pelos que podem ser pulados após 5 segundos ou os que não são ignoráveis.
Anúncios de vídeo discovery: nessa opção, há a possibilidade do conteúdo aparecer quando o usuário pesquisa por uma palavras-chave. Além disso, ele também aparece na parte de recomendações de vídeos relacionados. Para identificar esses conteúdos, basta olhar se possui uma menção, com um ícone amarelo, escrito “anúncio”.
Anúncios de masthead: masthead é a parte do topo da plataforma. Com isso, para que o seu anúncio apareça nesse local, é preciso que ele passe por uma avaliação com o próprio YouTube. Sendo assim, é um pouco mais burocrático, levando até 48h para a aprovação.
Anúncios de vídeo action: para empresas que desejam divulgar seus produtos, essa pode ser uma ótima opção. Isso porque, a plataforma permite que o anunciante acrescente um catálogo de produtos, preços e, por fim, um botão de “comprar agora” para que o usuário seja direcionado para o site.

Ah, para escolher o tipo ideal, avalie os objetivos da sua empresa e, além disso, o tempo do seu anúncio.

Para entender mais sobre o YouTube Ads, leia “Como anunciar no YouTube Ads”.

Conclusão

Sem dúvidas, o YouTube é uma plataforma que poderá contribuir, e muito, para o sucesso das estratégias da sua empresa. Portanto, com este conteúdo, você conseguirá ter o suporte necessário para que crie ações de forma eficiente na ferramenta.

Esperamos que tenha entendido mais sobre a essa rede social. E, claro, caso queira saber mais sobre o assunto, saiba que temos outros conteúdos relacionados. Portanto, basta verificar no nosso site ou no canal da Post Digital no YouTube!

André Cintra
Maisa Dias
Maisa Dias