Você provavelmente já ouviu a palavra hater em algum lugar, ou pelo menos leu isso em algum site. Haters são as pessoas que usam a internet para desferir todo o seu ódio. O nome vem do inglês e o termo vem ganhando cada vez mais a atenção de empresas, figuras públicas e também das autoridades policias do Brasil.

No entanto, muita gente ainda não sabe por que se preocupar com haters é um dos principais objetivos dentro de uma empresa e quais os perigos existem nesse tipo de seguidor ou público que aparece em todos os lugares e de forma mau educado e bem agressiva, atrapalhando a estratégia digital da empresa.

Eles atrapalham seu marketing digital

Não há nada pior do que ver todo o trabalho do marketing sendo eliminado com um comentário maldoso e às vezes sem o menor cabimento. Os haters odeiam por odiar e na maioria dos casos não são usuários do seu produto e nem frequentam o seu site.

Promovem outras marcas

Um hater normalmente fala mal de seu negócio para vangloriar outro. O que pode fazer com que muita gente se interesse em saber se a concorrência é tão boa quanto aquele usuário diz. Por isso, é preciso monitorar cada um dos seus comentários e seguidores com cuidado.

São altamente nocivos

Um hater é capaz de contaminar uma ação inteira. Ele normalmente começa atacando o produto, mas passa também a atacar seus seguidores e usuários, o que faz com que um verdadeiro caos se instale naquele ambiente. O problema é que eles podem usar vários nomes e contas para praticar esse ato.

Trazem negatividade para a marca

Essas pessoas conseguem atrair audiência negativa para a sua marca, isso porque não costumam agir sozinhos. Eles são usuários que espalham seus “feitos” por toda a internet e acabam incentivam outras pessoas a agirem como eles, o que só faz com que mais pessoas entrem no seu canal, post ou postagem para atacar a marca.

Usam sua marca como escada

O objetivo dos haters é chamar atenção e eles usam sua marca para isso. Como são normalmente revidados eles aproveitam para fomentar cada vez mais aquela “briga virtual” e assim conseguir mais seguidores, audiência e atenção. O importante é que você saiba contornar a situação da melhor maneira possível.

Eles não querem solucionar nenhum problema

Os haters são odiadores por natureza, seu objetivo ali não é reclamar de algo que possa ser resolvido ou melhorado, por isso eles costumam não aceitar nenhuma oferta de solução. O único objeto desses internautas é acabar com aquilo que ele não gosta.

Se escondem atrás de um nome falso

A maioria dos haters são fakes, personagens criados com o único objetivo de denegrir a imagem de um produto, serviço ou empresa. “E essa é a resposta do porque se preocupar com os haters”. Eles são difíceis de serem encontrados e podem realizar feitos desastrosos para você e sua campanha.

Por esse motivo é importante que você saiba o porquê se preocupar com os haters, saiba identificar uma dessas pessoas e contorne a situação da melhor maneira possível. Evite entrar em discussões e brigas e se precisar bloqueie o usuário antes que ele cometa algum ato punível, como assediar ou insultar algum usuário.

Entendeu por que se preucupar com os haters? Quer saber mais sobre redes sociais? Então baixe o nosso ebook gratuito 'Manual completo sobre Redes Sociais'.

André Cintra
André Cintra
André Cintra

Consultor, professor e palestrante com experiência em marketing digital e vendas. É CEO da Post Digital, agência de marketing digital fundada em 2010. Coordenou mais de 300 projetos personalizados para clientes nas áreas da saúde, educação, tecnologia, varejo e indústria. Ganhou o prêmio de Espada Ninja na Vitrine(Gold) no maior evento de marketing digital da América Latina, em 2019