Será que o e-mail marketing funciona mesmo? Durante muito tempo esse foi um questionamento de qual seria o resultado em uma estratégia de marketing digital, visto os erros cometidos durante a criação de uma campanha de e-mail marketing para comunicação com o público.

Seja para realizar a nutrição de leads através de conteúdos personalizados ou para vender diretamente um produto, o uso de e-mail marketing é uma das maneiras mais eficientes para empresas conquistarem e relacionarem clientes.

Criar campanhas de e-mail marketing de sucesso significa investir em relacionamento e, para tal, é preciso atentar-se tanto à forma quanto o conteúdo. Sendo assim, desde a criação do assunto até a avaliação final dos retornos deve ter como foco principal o cliente.

Aprenda com esse passo a passo como fazer e-mail marketing para empresas e ter sucesso nas suas estratégias de marketing digital.

Defina qual é o objetivo da sua campanha

Esse primeiro passo é essencial para o sucesso de toda sua estratégia e deve ser a base para todos os outros passos, afinal, é através da definição do objetivo que serão criados o conteúdo, layout e CTAs que vão compor seu e-mail.

Você deseja aumentar o engajamento no seu blog? Quer manter relacionamento com seus leads? Apesar de serem associados a promoções e vendas de produtos, nas estratégias de marketing digital o e-mail pode ser utilizado para enviar:

• Conteúdos informativos como ebooks, blog posts, newsletter e infográficos.
• Convites para Webinar
• Lançamento de novos produtos
• Pesquisas de opinião
• Ofertas e descontos

Segmente o público-alvo da sua empresa

O e-mail é uma ferramenta utilizada pelas pessoas para se comunicar com diversos grupos, de familiares, amigos a contatos profissionais. Por isso, é importante que você tenha a permissão para enviar as mensagens. Não é nem um pouco saudável para sua estratégia comprar uma lista de e-mails, reciclar ou trocar contatos com outras empresas.

Antes de selecionar para quem e quando enviar, é essencial saber quem é o público-alvo e então segmentá-los. Para isso, o uso de landing pages e pop ups contextualizados no site são ferramentas que permitem criar uma base de leads segmentadas.

Você pode utilizar um pop up para o visitante que estiver prestes a fechar uma página do seu site e sugerir que ele forneça seu e-mail para receber semanalmente uma seleção de conteúdos em formato de newsletter ou avisos sobre promoções.

Crie um conteúdo atrativo e envolvente

O conteúdo de um e-mail marketing é a chave para que a conversão seja eficiente. De acordo com a segmentação de público e a definição da persona na sua estratégia, é possível determinar se a forma de abordagem do texto será formal ou informal.

Oferecer um conteúdo que não tenha relevância para a persona e não acrescente novidades pode prejudicar sua estratégia, fazendo com que ela acabe cancelando o recebimento dos e-mails e classificando como spam. Nesse sentido, a personalização de conteúdo, o feedback de respostas às mensagens enviadas e a análise da taxa de abertura dos e-mails vão ser úteis na hora de fazer e-mail marketing para sua empresa.

Utilize o design como aliado

O visual de uma campanha de e-mail marketing também vai influenciar no aumento do número de conversões. Evitar modelos prontos disponíveis na internet é uma forma de tornar seu conteúdo ainda mais atrativo e original.

A qualidade das imagens e legibilidade das fontes é importante para que seu e-mail seja melhor sucedido entre os destinatários. Poluição visual e falta de planejamento na organização das informações podem confundir o lead e tornar sua mensagem desinteressante. Por isso, essa escolha deve servir como apoio ao objetivo da campanha, não apenas como um enfeite.

O uso de botões de CTAs (call to action) também vão ajudar com que a taxa de conversão seja melhor do que um simples link perdido no corpo do texto ou que estejam em dimensões exageradas ou pequenas demais. Este outro ponto diz respeito a responsividade para aparelhos móveis, uma vez que e-mails que não abrem direito em smartphones tem mais chances de serem ignorados e excluídos.

Usar gifs, aquelas imagens animadas, pode ser uma ideia muito eficiente e criativa para fazer e-mail marketing para empresas e atrair a atenção desde o primeiro clique. Claro que essa estratégia deve corresponder ao perfil da persona, pois tem um tom mais descontraído e pode causar estranhamento em quem não tem hábito de acessar redes sociais.

Escolha a ferramenta para e-mail marketing adequada

A escolha da ferramenta certa para criação e envio da campanha de e-mail marketing é outro ponto que merece sua atenção. Elas vão ser utilizadas para o disparo à sua base de leads e possuem recursos que possibilitam criar listas e fluxos de e-mail para diferentes estratégias de Marketing Digital.

Para te ajudar na escolha, separamos algumas das principais ferramentas de e-mail marketing disponíveis no mercado e suas funcionalidades.

• MailChimp - Possui um plano básico para pequenos negócios (até 2000 emails na base) e templates para criação intuitiva de e-mails mais básicos para quem está começando, além de oferecer ferramentas para teste A/B que auxiliam na melhora da taxa de conversão. De acordo com o aumento da base de leads, é necessário atualizar para uma conta com mais recursos como métricas, já que a versão básica possui limitações.
• RD Station - O software de automação de marketing da Resultados Digitais é considerado o mais completo do Brasil e um dos mais utilizados por profissionais de Inbound Marketing. Através dele, é possível criar fluxos de e-mail completos para geração e nutrição de leads, promover integração com redes sociais e realizar otimização de SEO, emitir relatórios completos de cada etapa da sua estratégia e outras funções.
• Adobe Campaign - esta ferramenta faz parte do Adobe Marketing Cloud, junto com outras funcionalidades para potencializar sua estratégia. Ela tem a vantagem de fazer a automação e gerenciamento de campanhas que integram canais e informações sobre localização e preferências do contato, por exemplo.

Destaque o assunto

O assunto é o primeiro contato que um lead vai ter com a sua mensagem. Por isso, na hora de fazer e-mail marketing deve ser planejado para prender a atenção e instigar com que o destinatário não pense duas vezes em ler o e-mail enviado pela sua empresa.

Você deve despertar o interesse facilitando a vida do seu leitor e deixando claro qual é a sua oferta, quais são os benefícios e vantagens que ele vai encontrar no interior daquele e-mail, assim como se fosse o conteúdo do blog da sua empresa.

Em uma estratégia de nutrição de leads, esses títulos estarão de acordo com o conteúdo ofertado, seja ele um e-book ou links para o blog e que trazem alguma vantagem de aprendizado. No caso de uma promoção, por exemplo, crie o senso de urgência utilizando expressões como “Ei, vai perder essa chance?” e “última oportunidade”.

Monitore os resultados

Depois que um e-mail marketing é disparado a sua lista de contatos, chegou a hora de avaliar a performance. Através de métricas para e-mail marketing, é possível avaliar se o número de conversões corresponde às expectativas da estratégia da sua empresa e quais são os ajustes necessários.

Avaliar quantos emails foram entregues, a taxa de abertura e de cliques auxilia na avaliação de quais são os melhores horários para envio, se a segmentação de leads está adequada, se os conteúdos realmente despertam interesse e possuem relevância para quem o recebe, para que eles não sejam identificados como spam.

A taxa de bounce rate é a forma de avaliar a rejeição de um e-mail seja quando a caixa de entrada do destinatário está cheia ou quando o endereço possui algum erro de escrita, a chamada hard bounce, ou a sua lista contém e-mails inválidos da sua base que devem ser excluídos.

Caso seja detectado alguns desses problemas ou até mesmo para aperfeiçoar as estratégias para conversão, realizar testes A/B para e-mail marketing vai te ajudar a determinar qual é a melhor escolha de um título ou horário para envio.

Agora que você já sabe como fazer e-mail marketing para sua empresa, baixe nosso ebook gratuito 'O guia prático do e-mail marketing' e faça dele um ótimo investimento para sua empresa.

Luciana Gameiro
Luciana Gameiro
Luciana Gameiro

É jornalista e especialista em Comunicação e Marketing Digital. Redatora e analista das estratégias de Inbound. Está no canal da Post e sempre atualizada nos últimos memes.