Fundamental para o sucesso dos anúncios, uma escolha bem feita das palavras-chave para links patrocinados determina se sua mensagem vai ou não chegar até o seu objetivo, podendo impactar seu público-alvo de maneira a alavancar o sucesso de sua campanha ou fazer com que todo o tempo e dinheiro gastos no investimento dela tenham sido em vão.

Assim sendo, escolher as palavras-chave corretas significa muito mais do que obter destaque nos mecanismos de busca — esse processo pode ser determinante para que sua marca entre de vez no universo de seu público-alvo, garantindo visibilidade e consequente retorno financeiro.

Quer aprender mais sobre o assunto? Então continue conosco e confira:

Importância

Quando você escolhe adequadamente as palavras-chave de sua campanha, há grandes chances de ocupar o topo dos resultados das pesquisas nos sites de busca, o que pode ser revertido em benefícios como ganhar a confiança de seu público-alvo.

Além disso, uma escolha eficiente permite que você pague menos por cliques em sua campanha, sem que isso acarrete em perda de qualidade.

Ir além de ocupar as primeiras posições

Ficar nas primeiras posições nos mecanismos de busca certamente é importante, mas não garante o sucesso de sua campanha. Apesar de a maioria das pessoas clicarem nos primeiros links da pesquisa — para que os resultados sejam realmente satisfatórios, seus anúncios devem refletir as necessidades de quem clica neles.

Ou seja, além de clicar no anúncio, o ideal é que a pessoa vá até sua página e compre o produto.

O que fazer?

Investir em links patrocinados seguramente é um diferencial na publicidade on-line, mas para isso é necessário cumprir alguns requisitos na hora de escolher essas palavras-chave, de modo a dinamizar o processo e potencializar suas chances de êxito na campanha. Se você tem dúvidas quanto a otimização dos links patrocinados, baixe o nosso ebook gratuito 'Como otimizar campanhas de Links patrocinados'.

Primeiramente, antes mesmo de escolher suas palavras-chave, é necessário compreender o que se passa na cabeça daquele que vai procurar por elas no mecanismo de busca. Sendo assim, o ideal é fazer um trabalho bem cuidadoso para compreender as vontades e necessidades do público-alvo. Para tanto, comece reunindo sua equipe e fazendo um brainstorm. Assim, juntos, vocês poderão levantar ideias para identificar o perfil de seu provável consumidor.

É fundamental saber que as palavras-chave que você precisa são aquelas que o seu leitor vai pesquisar. Nesse caso, colocar-se no lugar dele para deduzir o que ele pensa, testar possibilidades diferentes, agrupar palavras-chave por temas, assim como trabalhar com um pequeno grupo de palavras bem segmentadas, faz toda a diferença. Outra dica muito interessante é usar o planejador de palavras-chave do adwords, uma ferramenta que permite que você encontre os termos mais relevantes para seu nicho de mercado. Portanto, se você possui um e-commerce de bebidas, por exemplo, basta digitar a palavra “bebidas” no campo de pesquisa para obter resultados com termos mais específicos, o que pode ser extremamente útil para que você monte sua campanha.

Sobre as palavras-chave

De acordo com volume e taxa de conversão, podemos classificar as palavras-chave em grupos: as Head Tails, com somente uma palavra-chave; as Short Tails, termos compostos por duas ou três palavras-chave; e as Long Tails, conhecidas também como palavras-chave de cauda longa, que são compostas por três ou mais palvaras-chave, criando uma pequena frase.

Head Tails

As Head Tails são aquelas que geram muitos cliques e têm baixa taxa de conversão. Por serem compostas por uma única palavra, elas são invariavelmente genéricas, o que oferece maior concorrência e volume de busca elevado. Assim, quando você procura por “carro” no Google, por exemplo, aparecem centenas de opções na busca, que vão desde jogos sobre carros até lojas que vendem automóveis.

Por possuir uma taxa de conversão bastante baixa, esse tipo de palavra-chave é mais recomendada para estratégias de posicionamento de marca a longo prazo.

Short Tails

As Short Tails, por sua vez, geram mais acessos com uma taxa média de conversão. Justamente por poderem variar de uma a três palavras nas pesquisas, elas ficam entre as Head e as Long Tails no aspecto especificidade.

Isso significa que quando o assunto é concorrência nas pesquisas e possibilidade de venda, elas podem até ter utilidade, mas desde que dentro de um planejamento. Afinal, palavras maiores ou menores tendem a funcionar melhor.

Long Tails

As Long Tails são recomendadas para quem tem objetivos mais específicos, pois oferecem menor volume de pesquisa, menor concorrência e maior taxa de conversão — sendo o recurso indicado para vendas a curto prazo.  

Além disso, elas são mais fáceis de colocar em destaque nos rankings, por se afastarem da concorrência. São termos que focam em um nicho de mercado e, por isso, costumam funcionar quando são escolhidas com compatibilidade com os interesses do público-alvo.

Palavras-chave para links patrocinados: escolha as ideais

É necessário refinar suas palavras-chave de modo a obter um efeito positivo em sua campanha. Sendo assim, uma boa dica é evitar palavras genéricas demais para a sua campanha, afinal, quanto mais específica for uma palavra-chave em relação aos atributos de seu produto, maiores serão suas chances de conquistar clientes. Para evitar palavras genéricas, é interessante usar ferramentas para sugerir termos relacionados ao tema com o qual você trabalha. De preferência, use mais do que uma ferramenta, assim você aumentará suas chances de entender o que seu público procura. Google Adwords, SemRush e Ubersuggest, por exemplo, são excelentes opções.  

Pensando na questão financeira, o ideal é sempre fazer sua campanha usando termos que tragam o melhor retorno para o investimento e, para isso, é necessário estar sempre atento ao custo dos cliques nas palavras-chave, pois disso depende o montante que virá posteriormente. Evite palavras muito baratas. Se o preço está baixo é porque provavelmente elas não darão retorno algum para sua campanha e levarão ao seu site pessoas que estão procurando por outras coisas.

Obtenha resultados

Monte sua campanha considerando as necessidades de sua marca. A partir delas, faça uma pesquisa minuciosa de palavras-chave, de modo a garantir maior grau de assertividade.

A escolha certa das palavras-chave para links patrocinados tem grande importância na conquista de público para seu projeto no ambiente on-line. Explore esse potencial! Trabalhar bem com as palavras faz toda a diferença em uma campanha com links patrocinados.

Gostou deste artigo? Então assine a newsletter da Post Digital para ter acesso a outros conteúdos como este.

André Cintra
André Cintra
André Cintra

Consultor, professor e palestrante com experiência em marketing digital e vendas. É CEO da Post Digital, agência de marketing digital fundada em 2010. Coordenou mais de 300 projetos personalizados para clientes nas áreas da saúde, educação, tecnologia, varejo e indústria. Ganhou o prêmio de Espada Ninja na Vitrine(Gold) no maior evento de marketing digital da América Latina, em 2019