A execução do teste A/B no e-commerce é, sem dúvida, o melhor método de refinamento de vários cargos de uma loja virtual que vão desde a otimização de técnicas de conversão até o marketing digital. Diversas vezes, os gerentes de e-commerce deixam passar oportunidades incríveis de elevar o nível de conversão das lojas virtuais por acharem que nada precisa ser mudado na plataforma, já que, ao menos na teoria, ela está perfeita.

A verdade é que sempre existe espaço para aperfeiçoar o nível de conversão, e isso pode ser determinado pelo teste A/B. Vamos ver o que é Teste A/B?

O que é Teste A/B?

O objetivo de realizar o teste A/B no e-commerce é identificar quais opções de mudanças na estrutura do site ou na página podem produzir uma quantidade maior de conversões. Por meio da execução do teste A/B é possível determinar qual a versão do site ou da página satisfaz mais os usuários aprimorando, dessa forma, a experiência de cada um e o seu desempenho. Além disso, o teste também é usado para melhorar a praticidade de um site mostrando caminhos ignorados ou desconhecidos.

Por meio desse teste é possível determinar as predileções do usuário e até mesmo modelos de comportamento, gerando assim um cenário de compra mais agradável. É uma maneira de criar um cenário digital de relacionamento com o usuário, reconhecendo suas preferências e indicando novas estratégias digitais para atender suas exigências.

Aplicações do Teste A/B

Agora que você já sabe o que é Teste A/B, é necessário saber onde ele deve ser aplicado para suas estratégias funcionarem. O teste A/B não é utilizado somente no e-commerce, mas também em vários outros contextos, especialmente no marketing digital, sendo os mais populares:

No e-commerce, o teste A/B normalmente foca em áreas como o carrinho de compras, a página que detalha os produtos e perguntas referentes a praticidade do site.

Como estruturar o Teste A/B

No mercado, diversas plataformas de e-commerce apresentam uma função que permite a execução do teste A/B em lojas online por meio de configurações específicas, o que simplifica muito as coisas, inclusive, oferecendo resultados mais certos. O Google fornece gratuitamente uma ferramenta que pode ser usada no teste A/B para o comércio digital, denominada Google Analytics Content Experiments, a suplente do Google Optimizer que foi inativada. Por meio dela, é possível fazer testes com várias versões de uma página e obter os resultados na própria página do Google Analytics. Com o Google Analytics Content Experiments é possível:

  • Determinar qual a porcentagem da amostra com relação ao universo de visitas da página ou site;
  • Relacionar a performance de duas ou mais páginas apontadas aleatoriamente aos usuários do site;
  • Receber notificações por e-mail a respeito do desenvolvimento do teste;
  • Definir um propósito específico para a meta de conversão.

Por que esse tipo de teste é eficiente?

O teste A/B é um mecanismo excelente porque fornece um feedback em tempo real do mercado, medido com precisão. Não é uma análise simples onde alguém pode fazer uma coisa e responder outra, são fatos sólidos. Como as várias versões são partilhadas aleatoriamente ao mesmo tempo, não existe o perigo de um fator externo intervir no nível de conversão. Todas essas questões fazem do resultado muito mais confiável.

Aprendeu o que é Teste A/B e onde usá-lo? Gostou do artigo? Não deixe de baixar o nosso e-book gratuito 'Como mensurar e otimizar canais de Marketing Digital' e veja como o Teste A/B é importante para as suas ferramentas de divulgação!

André Cintra
André Cintra
André Cintra

Consultor, professor e palestrante com experiência em marketing digital e vendas. É CEO da Post Digital, agência de marketing digital fundada em 2010. Coordenou mais de 300 projetos personalizados para clientes nas áreas da saúde, educação, tecnologia, varejo e indústria. Ganhou o prêmio de Espada Ninja na Vitrine(Gold) no maior evento de marketing digital da América Latina, em 2019