O que todo empreendedor mais deseja é aumentar a lucratividade. Por isso, mensurar as métricas a fim de avaliar o aumento da performance é fundamental, bem como encontrar novas estratégias para chegar a um melhor resultado.

A seguir, saiba qual é a diferença entre Cross Selling e Up Selling, estratégias que ajudam nesse sentido.

O que é Cross Selling?

Antes de abordarmos a diferença entre Cross Selling e Up Selling, vamos relembrar os conceitos dessas estratégias.

Cross Selling se refere a maneira de incrementar a compra do consumidor e fazer com que ele volte para casa, com muito mais do que tinha planejado adquirir, mas sempre do mesmo universo do produto.

Funciona da seguinte maneira: imagine que você precisa de uma calça nova para um evento importante. Vai à loja disposto a adquirir essa única peça, mas o vendedor, muito bem treinado, aproveita para oferecer a você uma camisa que combina perfeitamente, um cinto que deixa o visual muito mais harmônico, e claro, novos sapatos e meias para que o conjunto fique perfeito. Sem nem perceber, você abre a carteira e acaba comprando todos os produtos de uma vez só, mesmo sabendo que sua necessidade era apenas a calça.

Isso é um Cross Selling bem feito, capaz de envolver o consumidor e fazer surgir novas necessidades e desejos a partir de sua ideia inicial.

Diversas marcas conhecidas apostam nesse tipo de estratégia com muito sucesso. É o caso do McDonald’s com a venda do lanche completo, oferecendo ainda uma porção de batatas de tamanho maior ou uma sobremesa por apenas um valor pequeno a mais.

O que é Up Selling?

Com a explicação desse conceito ficará mais fácil de entender a diferença entre Cross Selling e Up Selling.

O Up Selling tem como objetivo fazer com que o consumidor abra a carteira e deixe na loja um valor mais alto do que o planejado.

Mas ao invés de simplesmente cercar o consumidor com opções que complementem sua necessidade especial, como no exemplo das roupas citadas anteriormente, no Up Selling a ideia é apresentar opções com maior valor agregado.

Pensando na mesma situação da compra da calça que citamos antes, ao invés de o vendedor oferecer outras peças de roupa complementares, ele aponta a compra de uma calça de marca mais cara, premium, que por sua vez, possui uma margem de lucro mais interessante.

Algumas lojas virtuais fazem esse tipo de trabalho de forma impecável. É o caso da Amazon, por exemplo, que lista para o consumidor outras opções de compra com um pequeno aumento no valor. Dessa forma é possível levar um produto mais moderno, em sua versão mais atualizada ou com mais acessórios.

Dessa forma, a loja sai na vantagem, conseguindo atender à necessidade inicial de seu cliente oferecendo um produto de alta qualidade e também conquistando mais lucratividade.

Conclusão

Agora você já deve ter entendido a diferença entre Cross Selling e Up Selling. Conhecer e aplicar essas estratégias é importante para aumentar a confiança do cliente e claro, o faturamento do negócio. Além dessas, técnicas como a de inbound marketing também podem melhorar os resultados dos negócios. Quer saber como? Leia mais aqui!

André Cintra
André Cintra
André Cintra

Paulistano e CEO da Post Digital, empresa que fundou no inicio de 2010, com a idéia principal de desenvolver projetos digitais estratégicos e focados em resultado (conversões). Trabalha profissionalmente com internet desde a época da bolha, já desenvolveu mais de 300 projetos sob medida, é certificado Google para rede de pesquisa, rede de display e analytics e é especialista em SEO.